Conheça a historia de uma das maiores empresas do mundo, Apple.


Em 1976, 3 jovens iniciam o que viria a ser a maior empresa do mundo (a APPLE), são eles Steve Jobs, Steve Wozniak e Ronald Wayne, em Cupertino, no Vale do Silício que existia na Califórnia. Wozniak era muito bom com tecnologia e eletrônica e tinha criado um computador muito menor que os existentes, e que funcionava na televisão, Jobs, vendo isso viu ali a possibilidade em um negocio. Com esse conhecimento, o trio começou a produzir computadores em miniatura, em uma garagem, que seria o primeiro passo para revolucionar a tecnologia.

Steve Wozniak e Jobs já haviam trabalhado em empresas de tecnologia, mas desde de cedo Jobs viu que seu negocio era ter ideias e fazer o marketing, pois ele não entedia muito sobre como fazer.
Steve Wozniak conta, Jobs era quem “tocava a empresa”, enquanto ele se concentrava no desenvolvimento dos primeiros produtos da empresa — o Apple I e o Apple II, ou seja, Jobs não entendia muito da mecânica do computador, o seu negocio era ter ideias e fazer o marketing de seus produtos, ser de fato um chefe que sabia o que queria e seus empregados que se virassem para fazer o que o mesmo pediu.

Os dois, junto com Ronald Wayne, desenvolveram um kit, o Apple I, de eletrônica que permitia que o cliente construísse sua própria máquina, inaugurando a empresa, e a era de computadores pessoais. Os mesmos tiveram muito trabalho para conseguir vender apenas o modo de fazer o computador, ou seja, a placa mãe, e não o computador em si, mas com muitas tentativas e esforço, principalmente de Jobs, conseguiram.
A empresa, que passou a ser liderada por Steve Jobs, decolou com o lançamento do Apple II em 77, ganhando investidores e criando uma máquina que conseguia rodar programas gráficos, jogos eletrônicos e utilitários. Em ascensão, a equipe da Apple conheceu a Xerox em 1979 e passou a copiar seu sistema de interfaces que funcionava com mouse em novos projetos.

O primeiro Macintosh surgiu em 1984, o computador teve interferência direta de Steve Jobs, que estimulou disputas entre a equipe do Mac e um computador concorrente, o Lisa, dentro da própria Apple. Apesar de ter popularizado o mouse e vir com o sistema operacional Windows, da Microsoft, o Macintosh não conseguiu conter o avanço do IBM-PC, seu principal concorrente. O licenciamento do Windows para os PCs também gerou brigas judiciais entre Jobs e o fundador da Microsoft, Bill Gates.

Pouco antes do lançamento do Mac, Steve Jobs contratou um executivo chamado John Sculley, vindo da Pepsi, em 83. Com as vendas pouco animadoras do Macintosh e o estilo centralista de gestão de Jobs, Sculley decidiu demiti-lo em 1985 o cara que Jobs contratou como a solução, tomo sua própria empresa, e assumiu seu controle. Steve Jobs, após ter sido demitido de sua própria empresa, foi criar a Next, para voltar a trabalhar com computadores, e ajudou na criação da Pixar, um dos primeiros estúdios de animação a fazer um filme totalmente em 3D, com Toy Story.

John Sculley conseguiu fazer a Apple voltar a ter relevância até 1990. Com apostas em câmeras digitais e players de áudio, a empresa começou a perder relevância. Sculley foi pioneiro nos dispositivos móveis sensíveis ao toque, lançando o Newton em 92. Mas ele não conseguiu permanecer no cargo de CEO por muito tempo, CEO era o nome dado ao administrador principal da APPLE.

Macintosh, lançado em 1984

Michael Spindler assumiu a presidência em 93, mas não ficou muito tempo e cedeu espaço a Gil Amélio em 1996. Amélio decidiu comprar a Next, empresa que era comandada por Jobs, seu administrador que também era o dono e, dessa forma, trouxe Steve Jobs de volta, pois eles sabiam que essa era melhor maneira de levar apple novamente a seu auge, primeiramente como consultor no principio Jobs relutou, mas ele tinha muita vontade de voltar a empresa que o mesmo ajudou a criar. Aos pouco tempo, Jobs novamente assumiu uma posição central na Apple.

Antes de morrer em 2011, Steve Jobs expandiu a Apple para além da computação pessoal, e fez a empresa revolucionar em outras áreas. Em 2001, anunciou o MP3 player iPod junto com a loja iTunes, que é uma das plataformas mais bem-sucedidas de venda online de músicas. Em 2007, lançou o iPhone, a fusão do iPod com um telefone celular, que popularizou as superfícies sensíveis ao toque.
No ano de 2010, revelou um protótipo de iPhone que funciona como um tablet. Foi dessa forma que surgiu o iPad, provocando uma transformação na computação e oferecendo recursos multimídia, sem precisar usar um teclado ou um mouse físicos. Os produtos da Apple têm um alto custo no mercado, mas são sinônimo de qualidade e eficiência. Fundadores da empresa, como Steve Wozniak, trabalham como conselheiros dos novos produtos, mesmo sem envolvimento direto com a manufatura assim como, Jobs exigia o melhor sem se preocupar com o custo pois ele sabia que essa era uma das marcas de sua empresa e uma marca do próprio também. Steve Jobs, diferente de seu rival Bill Gates, trabalhou diretamente com a empresa que criou até janeiro de 2011, quando o câncer o impediu de continuar as atividades.

NÃO SAIA AINDA. Você quer ser o primeiro a saber das grandes notícias? Se a resposta for SIM, salve nosso número 075 9 9879-7106 , e manda um OI no WhatsApp, tenha nossas notícias no seu WhatsApp de GRAÇA. Vai continuar mal informado?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

1 + 1 =