Nem-nem, falta de interesse , ou ausência de oportunidade?

Ainda não faço parte dessa geração, e estou me encaminhado para não fazer, (mas um quarto do total de jovens brasileiros estão inseridos nela, diz IBGE).Vocês devem estar se perguntando o que é geração nem-nem? É a parcela de jovens que nem estuda e nem trabalha, a maioria vivem com os pais e não querem sair dessa situação. A acomodação torna-se grande, já que nos dias atuais, conseguir emprego é uma tarefa difícil.

 A culpa é do governo pela turma nem-nem? Não podemos colocar a culpa em cima de um só ponto, e sim no conjunto da obra, que vem desde o ensino recebido da escola e da família, sim a educação influência o percentual dos nem-nem. O governo por sua parte não vem criando as oportunidades necessárias para todos, porém existe a parte que deveria está estudando, essa por sua vez desiste de continuar na vida escolar. As mulheres têm maior índice entre os nem-nem, pois abandonam o estudo por causa de gravidez precoce, passam a ser donas de casa desde muito cedo, essa dupla jornada de cuidar da casa e de filhos, acaba impossibilitando elas a estudar ou trabalhar, ainda tem os casos de maridos que proíbem elas de praticar essas duas atividades.
(Alagoas é o estado que lidera o ranking brasileiro, com o percentual de 17% de jovens que nem estuda nem trabalha, sim esse estado se localiza no nordeste, uma das regiões mais pobres do Brasil, pois 70% dos nem-nem fazem parte das famílias representadas dentro dos 40% mais pobres.) Atualmente são cerca de 5,3 milhões de nem-nem no Brasil isso não é bom, pois eles não estão contribuindo para o crescimento do país. Muitos não conseguem trabalho por falta de qualificação muitos não têm o ensino médio completo e não pensam em voltar para à escola, uma vez que não vêem como uma coisa agradável. Essa situação atual do Brasil é bem preocupante, porque essa geração irá enfrentar um mercado de trabalho mais competitivo, logo, a falta de mão-de-obra será inevitável, então essa é a hora de mostrar para esses jovens um caminho de formação profissional, e claro, também despertar o interesse do mesmo.
Os governantes devem tratar desse problema o quanto antes, pois no futuro isso será uma situação bem estressante para a economia do país, muitos jovens sem servir para o desenvolvimento do Brasil. Fazer um grande investimento na educação hoje, como mudar a forma de ensino que já está bem atrasado, assim, “prendendo” as crianças e adolescentes na sala de aula, no futuro isso irá ser um benefício, uma vez que mais pessoas trabalhando será mais pessoas com dinheiro para gastar, portanto assim aumentando o recolhimento de impostos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × um =