O Dia dos Professores é comemorado nesse domingo dia 15 de outubro

A história por traz do Dia dos Professores

O dia 15 de outubro ficou conhecido desde os tempos do império, como o dia dos professores, mas você sabe por que esse dia é especial? A resposta vem do Brasil Imperial. No dia 15 de outubro de 1827 um dia feito em homenagem a educadora Santa Teresa de Ávila, Pedro I, Imperador do Brasil, baixou um decreto imperial que criou o ensino elementar no Brasil. Pelo decreto, “todas as cidades, vilas e lugarejos tinham que ter suas escolas de primeiras letras”. Que nada mais eram, do que as escolas conhecidas hoje como ensino fundamental, que tinha por objetivo ensinar noções básicas como ler, escrever, fazer as 4 operações matemáticas, além de noções de geometria aos homens e as mulheres, mas juntamente com aulas de costura e de cozinha, coisas que os mesmos acham que era o que as mulheres precisavam saber para serem boas donas de casa.

Mas esse dia ainda não era feriado, tornou-se apenas anos depois, mais especificamente cento e vinte anos depois do decreto, em 1947, um professor paulista teve a ideia de transformar a data em feriado, pois não aguentava mais trabalhar tanto tempo sem férias, então o mesmo  iniciou a tradição de comemorar no dia 15 de outubro o dia dos professores, o mesmo escolheu essa data em referência ao decreto de D. Pedro I.  A ideia surgiu porque o período letivo do segundo semestre escolar era muito longo, ia de 1 de junho a 15 de dezembro, com apenas dez dias de férias em todo o período, todos abraçaram a ideia e decidiram repetir a comemoração todo ano, mesmo era comemorado, porém não era feriado, até 1963, quando o Decreto Federal 52.682, de 14 de outubro decidiu tornar o dia 15 como feriado escolar.

Este decreto veio para definir de uma vez por todas o quão importante deveriam ser os professores. Mas infelizmente não é isso que se vê na pratica, pois os professores são um dos profissionais mais mal pagos em nosso país, os mesmos que em países desenvolvidos são tratados com estremo respeito, são tratados quase que de forma desleal em nosso país, pois recebem um salário baixíssimo para dar um futuro a milhões, se um dia o Brasil almeja ser um país desenvolvido, talvez umas das coisas mais importantes a se fazer é dar o devido valor e respeito a profissão que levará nosso conhecimento a patamares elevados, pois com maior incentivo é possível a aplicação de um melhor trabalho.

“A primeira fase do saber é amar os nossos professores”.

Erasmo de Roterdã

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 + 2 =