Você sabe por que o gol irregular de Jô vem repercutindo tanto?

A polêmica que se passa atualmente no futebol brasileiro é o gol de mão de Jô, atacante do Corinthians, na última partida disputada pelo timão, rodada 24 do campeonato brasileiro que enfrentou o Vasco, o Corinthians precisou de uma ajudinha para vencer tal partida, “lá mano de Jô” .
Em uma bola lançada na área o camisa 7 do Corinthians usou o braço para empurrar a bola para dentro, gol esse que deu a vitória ao seu time, que vinha de uma sequência ruim.

Mas por que Jô não avisou que o gol tinha sido irregular? Pelo contrário, invés disso ele comemorou muito e veio com uma desculpa que: “Sou um homem de Deus e honesto, não vi em qual parte do meu corpo a bola bateu. Apenas me atirei de encontro nela”. A importância dos 3 pontos deve ter tirado o tato de Jô que não sentiu onde a bola tocou.

>>Clique no nosso número para ter notícias de graça 75 99879-7106. TOTALMENTE DE GRAÇA!! >>

Existem muitos casos de gols com a mão, mas por que esse de Jô teve tanta repercussão?

Por causa que o mesmo jogador que não sentiu a bola, falou em entrevista ao programa “Bem, Amigos!”, o centroavante disse que a falta de honestidade de alguns atletas dentro das quatro linhas tem grande influência nos erros de arbitragem. Além de não ter o tato, ele é bastante controverso.
Outro caso que ajudou a esse lance criar essa grande polêmica foi que no começo do ano, no campeonato paulista em jogo contra o São Paulo, ouve um lance de Fair play o zagueiro Rodrigo Caio, do São Paulo, foi ao árbitro e disse que Jô não merecia o cartão, porque ele havia atingido seu colega. O cartão então foi retirado na hora. Jô aplaudiu a honestidade de Rodrigo Caio ( cartão esse que tiraria Jô do próximo jogo).

Jô confessou em entrevista que realmente a bola tocou no braço, porém o mesmo fala que só viu depois quando viu o lance com calma, veja o que ele falou.
“Quem me conhece sabe que sou uma pessoa só, não tenho duas personalidades. Depois que saio do jogo, não tinha visto a imagem, o gol, depois em casa, com tranquilidade, pude ver que a bola bateu no braço. Mas quis dizer que não quis trapacear”

Caso tenha gostado, adicione 5 estrelas!
[Total: 0 Average: 0]

Comente