Mulher é agredida na balada e o agressor era o médico

Ocorreu na Rússia um fato curioso e antiético, uma mulher moradora de Neryungri foi agredida na balada, foi ao hospital no dia seguinte precisando tratar os ferimentos,  e foi agredida novamente.
Quando o médico percebeu que sua paciente era a mesma mulher da noite anterior, começou a agredi-la mais uma vez.
De acordo com o jornal Daily Mail o médico em questão é Vladimir Naumov, que, ao perceber que sua paciente era a mesma mulher agredida na balada, começou a bater nela novamente. Essa é uma grande prova de que a ética profissional não está presente em todas as pessoas.

Caso tenha gostado, adicione 5 estrelas!
[Total: 0 Average: 0]

Comente