Veja as cirurgias mais difíceis e de alto risco

As cirurgias são sem dúvida algo muito importante para resolver problemas com o nosso corpo. Muitas cirurgias podem ser por necessidade, como para retirada de um projétil um tumor, ou simplesmente para estética, como colocar silicone ou reparações na face. Algumas podem ser muito fáceis já outras têm seu teor de dificuldade mais elevado.

Colectomia parcial

Este é um procedimento que remove uma parte do intestino grosso, cólon. Pode ser necessário para tratar ou prevenir doenças que afetam esta região do corpo.

Ressecação de intestino delgado

Este procedimento remove as partes doentes do intestino delgado e reconecta as sadias. Em alguns casos o médico é obrigado a retirar todo o intestino.

Colecistectomia

Quando a vesícula biliar inflama, possui pedras ou câncer, os médicos costumam efetuar este procedimento. Os médicos removem a vesícula completamente através de um corte no abdômen.

>>Clique no nosso número para ter notícias de graça 75 99879-7106. TOTALMENTE DE GRAÇA!! >>

Cirurgia para tratamento de úlcera péptica

A cirurgia é realizada para tratar uma ou mais feridas no estômago ou na parte inicial do intestino delgado.

Correção de aderências abdominais

Aderências abdominais costumam ocorrer após alguma cirurgia e são pedaços de tecido cicatrizado e fibrosos que se formam entre os órgãos abdominais.

Apendicectomia

Quando o apêndice infecciona geralmente uma Apendicectomia é necessária, para remover o órgão. Neste procedimento o abdômen é aberto e uma micro câmera e instrumentos são inseridos para a remoção do apêndice.

Craniotomia

A craniotomia é uma operação cirúrgica em que um retalho ósseo é temporariamente removido do crânio para acessar o cérebro.

 

Leia também: Causas da hipertensão, saiba como se prevenir e tratar essa doença

Comente