Como anda a doação de órgãos em Sergipe? Pesquisa mostra

Uma pesquisa preocupante foi divulgado na última sexta-feira 10, em Sergipe, trata-se da baixa taxa de doação de órgãos. O percentual mais aconselhado é que 40% da população permita a doação de órgãos, porém, em Sergipe a taxa é de 70%, ou seja, mais da metade da população sergipana não concorda com essa prática.

Isso muita das vezes acontece por questões de princípios, quando o ente falece, a família sente um certo receio.

O percentual aceitável é o de 40%, mas infelizmente 70% da famílias negam a permissão de doação, que é tão importante para quem precisa de um transplante para voltar a viver com qualidade

Essas são palavras do coordenador da Central de Transplantes de Sergipe, Benito Fernandez.

Vale lembrar que, a retirada dos órgãos só é feita com total certeza de morte cerebral do paciente.

 

Comente