Armamento, solução para a violência?

>>Clique no nosso número para ter notícias de graça 75 99879-7106. TOTALMENTE DE GRAÇA!! >>

 Hoje em dia vivemos em um tempo onde basta um desentendimento para gerar uma confusão, e essa confusão terminar em tragédia. A prova disso são nossos jornais que todo dia falam de homicídio e execuções por motivos cada vez mais banais.
A criação do Estatuto do Desarmamento provocou queda de 12,6% na taxa de homicídios do País, segundo estudo do
Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). Dez anos depois de virar lei, o código promoveu a redução de mortes violentas.
Um estudo aponta que, nos Estados Unidos, onde há a legalização da posse de armas, ocorrem em média cem acidentes domésticos envolvendo armas de fogo e crianças por ano. Esta pesquisa leva à conclusão de que o armamento não é a medida viável, já que acarreta novos tipos de violência, sem solucionar o atual.
Fica evidente, portanto, que o armamento não é a solução para a violência, pelo contrário, aumenta seus índices. Assim, cabe ao governo investir em segurança, suprindo a falta de policiais que muitos municípios sentem, garantindo que nenhum cidadão precisará de armas para se defender.

Caso tenha gostado, adicione 5 estrelas!
[Total: 0 Average: 0]

Comente