Pena de morte: As principais reflexões sobre esse assunto polêmico

Ao se pensar na possibilidade de um julgamento que leve a pena de morte, se coloca em jogo vários fatores como: o que mereceria tal pena, a morte seria paga com mais morte, vamos voltar a lei de Talião onde era “olho por olho dente por dente”, essa é a única solução para enrijecer a lei, o crime seria pago dessa maneira.

Há muita gente que defende que essa pratica seja implantada em nosso pais, mas também há muitos que a repudiam, por isso esse é um tema polêmico. Países como os Estados Unidos adotaram essa lei, a mesma já é implantada há muito tempo em alguns estados, quem defende a implantação dessa lei diz, que uma lei como essa vai amedrontar os criminosos, mas geralmente quem entra na vida do crime está ali para matar ou morrer, então essa lei não faria muito sentido, só tornaria os bandidos mais violentos, pois saberiam que já seriam condenados a morte, uma a mais uma a menos não faria diferença.

Lado positivo

Nessa lei entra em questões a família, pois esses criminosos estariam pagando a pena desse jeito só “morrendo” isso seria o pagamento pela dor que ele causou? Mas como todas as coisas há um lado bom, nesse  caso por exemplo, essa pessoa que provavelmente não vai se recuperar não vai mais voltar para sociedade, e não ter a bandidos tão pesados nas prisões e também reduziria a quantidade de detentos nos presídios, que é um grande problema em nosso pais, também afeta a educação, pois vamos ensinar nossos filhos que o melhor a se fazer é pagar violência com mais violência isso pode gerar num futuro próximo jovens que aprendem que matar é solução.

>>Clique no nosso número para ter notícias de graça 75 99879-7106. TOTALMENTE DE GRAÇA!! >>

 

Mesmo o sistema prisional hoje sendo a “escola de bandido”, pois o indivíduo entra lá por roubar galinha e sai traficante, estuprador, assassino, ou seja, a prisão só piora o que o sujeito já era, uma vez que na prisão se você não for de nenhuma facção você é morto como um passe de magica, na prisão o mesmo é obrigado a piorar para sobreviver.

Custos

O pior é que todas as soluções que poderiam concorrer com essa como a criação de novos presídios, gastariam milhões, não que a pena de morte também não fosse gastar, pois a morte deve ser indolor, assim entrando os direitos humanos, quem deve “ser a lei” ,vai matar, então que pelo menos seja indolor, o melhor método seria a injeção, mas a mesma é muito cara, mas ainda sairia mais barato do que manter vários deles trancados e com segurança, se nosso pais continuar dessa maneira talvez essa seja a melhor escolha para evitar um colapso prisional, mas a grande questão é que não mudaria quase nada, pois para matar os criminosos eles primeiro teriam que ser condenados o que em nosso país com tantas formas e estâncias de defesa é muito difícil, será que vale a pena uma briga enorme ética, para aprovar uma coisa que provavelmente não vai fazer grande diferença no que a gente acha que vai ser os benefícios da mesma.

Caso tenha gostado, adicione 5 estrelas!
[Total: 0 Average: 0]

Comente