Problema diário: Saiba mais sobre as correntes nas redes sociais

São vários os tipos de correntes que se espalham nas redes sociais; religiosas, de caridade, falsas informações, apelativas etc.
Há algum tempo existia uma especulação de que quem mandava essas correntes eram hackers, mas com o tempo se constatou que isso é era falso, ou seja, não eram necessariamente os hackers que mandavam essas mensagens virais.
Ao contrario do que muita gente pensa, essas correntes não são nada recentes, desde o tempo do e-mail que elas vêm se disseminando pela internet. Com a expansão da modernidade e a criação de varias novas redes sociais essas mensagens começaram a virar parte do dia-a-dia dos internautas.

>>Clique no nosso número para ter notícias de graça 75 99879-7106. TOTALMENTE DE GRAÇA!! >>

Em grande parte das vezes as mensagens chamam a atenção para o lado emocional, afirmando coisas improváveis, como por exemplo: “se não repassar sua mãe morre”, ou afirmando ser uma carta de alguém que já faleceu, e que se a mensagem não for reenviada algo de ruim vai acontecer.

Em outros casos as mensagens falam de religião, e as pessoas para provarem para a sociedade que são muito religiosas acabam remandando essas correntes e assim sucessivamente. Esse tipo de coisa já está incorporada nas redes sociais, e provavelmente sempre vai existir, uma vez que trata-se de uma coisa de princípios e valores, para algumas pessoas pode não ser nada, alias, pode ser algo insignificante, mas para outras pessoas o ato de enviar tais coisas a satisfazem.

Existe também um outro método, nesse o foco é lucrar, tratam-se de mensagens com links, e que você tem que completar uma certa quantidade de envios para desbloquear, mas ao contrario dos outros, essas direcionam para sites, e lá existem contadores, para ter a certeza de que o internauta mandou a quantidade certa.

Caso tenha gostado, adicione 5 estrelas!
[Total: 0 Average: 0]

Comente